© 2015 por Feliz com FA - Uma jornada de amor. Designed By Rita de Cassia Paz. Desenvolvido por RP Produções, AP Makeup Artist e Lógica Filmes

  • RSS - Black Circle
  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
  • Instagram - Black Circle

Feliz com FA

 

Sejam bem vindos! Aqui no Feliz com FA vocês vão encontrar vídeos, textos, material educativo e novidades sobre o mundo dos alérgicos a alimentos. Espero que gostem e compartilhem com parentes e amigos! Dessa forma entenderão melhor esse novo universo.

Inscrevam-se no canal, curtam a fanpage e fiquem ligados!

Siga

Não se toca em bebê com mão suja! Por que? Ela pode ser alérgica! Cuidado! A pele do bebê é frágil, sabia?

Modelo: Valentina Del Corsi Pinto, filha da mamãe Pamella Santos de Ribeirão Preto

Créditos da foto: Foi a mamãe Pamella quem bateu a foto. Coisa linda é para se mostrar!

 

Ultimamente tenho visto como as pessoas não respeitam mesmo nem acreditam em ALERGIA ALIMENTAR. Tenho visto cada dia mais descaso, negligência, imperícia e imprudência, sem falar na falta de respeito mesmo. Vendo uma coisa lindinha dessas realmente dá vontade de pegar, abraçar, apertar e encher de beijo, mas... temos que pensar nos bebês. Você sabia que uma mão contaminada por alguma proteína que o bebê tenha alergia pode ceifar a sua vida?  Você sabia também que mesmo que ele não a coloque na boca e que você apenas pegue na sua cabecinha ele pode reagir? Pois é! ELES REAGEM! E reagem feio! Podem fazer até ANAFILAXIA por um simples toque. 

O contato de um alérgico com o seu alérgeno representa muito perigo para a sua vida. Mas você pode estar se perguntando: "Como passa pela pele?"

Bom a pele é uma grande órgão, o maior do corpo humano e corresponde a 13% do peso corporal de um recém nascido. Ela reveste todo o nosso corpo e que possui estruturas que vão de forma aderente tentar nos proteger de invasões. É formada pela Epiderme, derme e TCS (Tecido celular subcutâneo). A superfície corporal em relação ao peso é 5 vezes maior na criança do que no adulto e isso confere maior permeabilidade a várias substâncias. Somente por volta dos 2 a 3 anos é que ela começa a ter as mesmas características da pele do adulto, começando a expressar sua função específica de proteção de forma mais adequada sob o ponto de vista fisiológico. A pele da criança possui maior conteúdo de água e isso explica o turgor e texturas diferentes da do adulto. Isso não significa muita vantagem para um alérgico pois é justamente o que permite maior permeabilidade. A espessura também é 4 vezes menor que no adulto e isso também a torna mais frágil. As fibras colágenas e elásticas estão presentes em menor quantidade além de serem mais finas também. Num bebê a adesão dermo-epidérmica é mais lábil (mais instável) e isso interfere na coesão intercelular deixando espaços entre as células bastante grandes facilitando a infiltração das proteínas que ele tem alergia, portanto TODO O CUIDADO É POUCOOO!

Sabendo como a pele do bebê é mais frágil fica mais fácil respeitarmos os limites do TOQUE.

Devemos cultivar o amor, admirar sem tocar, pois para a preservação da vida de um bebê, o ato de somente olhar sem pegar representa CARINHO, MUITO CARINHO!

Amar as pessoas, demostrar carinho impõe cuidado com elas. Não podemos sair por aí pegando e beijando todo mundo. 

 

E para você? Amar é tirar a flor linda do seu lugar e levar para casa para admirá-la? Ou deixá-la no local onde ela está e todos os dias admirar sua beleza sem arrancar? Regar, olhar e deixar ela no lugar.

O que você acha? Diz aí para a gente? 

 

Please reload

Meu amor pelo que faço

Há 12 anos trabalho no SUS e me dedico de corpo e alma ao que faço. A minha missão: Conseguir orientar da forma correta o maior número de pessoas com relação às alergias alimentares e seus riscos.

Cuidar de crianças alérgicas envolve muito conhecimento, paciência e amor e isso eu tenho de sobra.

Fazer um bebê alérgico continuar sendo amamentado é uma conquista de equipe. Chegar a  tão esperada CURA, depende da união de todos. 


Aqui na página o envolvimento é de TODA a família! Mamãe, papai, vovô, vovó, a tia... e todos sempre juntos numa mesma luta para ganhar a grande batalha.

     

 Lembrem-se sempre!

Juntos somos mais fortes!

 

Sejam bem vindos e vamos aprender a ser Feliz com FA!

Please reload