© 2015 por Feliz com FA - Uma jornada de amor. Designed By Rita de Cassia Paz. Desenvolvido por RP Produções, AP Makeup Artist e Lógica Filmes

  • RSS - Black Circle
  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
  • Instagram - Black Circle

Feliz com FA

 

Sejam bem vindos! Aqui no Feliz com FA vocês vão encontrar vídeos, textos, material educativo e novidades sobre o mundo dos alérgicos a alimentos. Espero que gostem e compartilhem com parentes e amigos! Dessa forma entenderão melhor esse novo universo.

Inscrevam-se no canal, curtam a fanpage e fiquem ligados!

Siga

Somos sobreviventes das alergias sabia?

Há quem diga que hoje as alergias estão aumentando, mas tenho uma opinião própria sobre o

assunto, na verdade, hoje elas têm sido mais pesquisadas e diagnósticadas. Há um tempo atras ninguém nem ouvia falar sobre alergias alimentares e com isso se passavam despercebidos muitos problemas de saúde que se atribuíam ao estresse, a indisposição, a criança enjoada que não gostava de comer... e assim, crescemos sem um diagnóstico. Somente sofrendo com os problemas que tínhamos.

Quem nunca teve alguém na família alguém que empolava todo de vez em quando? Que tinha diarréia direto? Que as vezes fazia cocô com sangue?

Quem nunca teve crises intermináveis de garganta com falta de ar e chiado no peito sem estar gripado? Que foi confundido com asmático? Isso tudo era atribuído a alergia a ácaros, fungos, mofos e mudança de tempo, não era? Quem de nós não se entupiu de vacina quando criança para tudo isso e nunca ficou realmente bom?

Eu tomava vacina toda semana! Era uma tortura!

Quem não foi sonâmbulo? E quem tinha um comportamento agitado que não foi confundido com "menino mal educado do cão"?

Sofremos com isso uma vida, até que nossos filhos começaram a aparecer com as alergias. Não sei como meu marido não morreu porque minha sogra achava que leite curava tudo e ele sempre tomou litros. Tinha uma rinite insuportavel que por vezes, como é dentista, teve que fechar a agenda por causa da coriza na máscara que o impedia de atender, pois se abaixasse a cabeça, a mesma ficava toda molhada. Hoje após o afastamento do alérgeno o corpo se defende de tal forma que não pode nem sentir o cheiro!

Não é fácil! A maioria de nós tem alergia e nem sabe! Gastrites, refluxos, colites, dermatites, depressões, fibromialgias, rinites, sinusites nada mais são que reflexos das alergias, sabia?

Quem tem um filho alérgico que não foi sensibilizado pela "mamadeira assasina" muito provavelmente é alérgico também.

Aqui somos alérgicos mesmo. Quase a família toda. Tive uma prima que aos 6 anos morreu de Sindrome de Stevens Johnson, um tipo de reação alérgica induzida por sulfa. Meu irmão é alérgico a própolis, outra irmã alérgica a penicilina, outra alérgica a alimentos: leite, açaí, camarão, e muitos outros. Aqui em casa eu sou alérgica a alimentos e medicamentos, meu marido alérgico a alimentos e minha filha alérgica a alimentos também.

Com o sistema imunológico não se brinca! A genética é forte!

Se você tem um filho alérgico, não custa fazer exames em você também você não acha?

Vale a pena descobrir.

 

 

Please reload

Meu amor pelo que faço

Há 12 anos trabalho no SUS e me dedico de corpo e alma ao que faço. A minha missão: Conseguir orientar da forma correta o maior número de pessoas com relação às alergias alimentares e seus riscos.

Cuidar de crianças alérgicas envolve muito conhecimento, paciência e amor e isso eu tenho de sobra.

Fazer um bebê alérgico continuar sendo amamentado é uma conquista de equipe. Chegar a  tão esperada CURA, depende da união de todos. 


Aqui na página o envolvimento é de TODA a família! Mamãe, papai, vovô, vovó, a tia... e todos sempre juntos numa mesma luta para ganhar a grande batalha.

     

 Lembrem-se sempre!

Juntos somos mais fortes!

 

Sejam bem vindos e vamos aprender a ser Feliz com FA!

Please reload